quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Narcisamente...

... preciso de mim. Desesperadamente e infinitamente. Quero voltar a encontrar-me sem me voltar a perder pelo caminho... É duro, infinito, dentro da minha finitude. Preciso narcisar-me. AGORA!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Narcisa-me ;)